O que fazer com embalagens de cosméticos?

Você sabe o que fazer com as embalagens dos cosméticos que você não usa mais?

Quando pensamos em reduzir o consumo de plástico e iniciar uma mudança, as primeiras tarefas que implementamos são usar sacolas e garrafas reutilizáveis ​​ou evitar lâmpadas descartáveis, no entanto não consideramos os recipientes de nossa maquiagem ou cuidados pessoais. 

Pode parecer difícil ter um cosmético ou rotina de beleza consciente, mas não é impossível. Portanto, neste post darei algumas dicas que você pode implementar, se você escolhe opções sem plástico, reutiliza ou recicla, o essencial é evitar. Mas saiba o que fazer com essas embalagens.

O cuidado com os seus cosméticos

Cosméticos embalados em vidro, como perfumes ou alguns hidratantes podem ser esvaziados e depositados no recipiente verde, que é o correto, e não na lixeira doméstica. 

Mas a verdade é que a maioria dos cosméticos, com custos mais baixos é apresentada hoje em embalagens plásticas. 

Felizmente, existem muitas marcas que estão começando a colaborar para reduzir o uso de plástico nas embalagens dos nossos produtos mais comuns e optar por ingredientes que não agridem o meio ambiente. 

L’ Occitane – Mais do que uma Marca: Uma história de compromissos

Um exemplo é a marca francesa L´Occitane, que conseguiu reduzir 90% do plástico usado anteriormente, criando recipientes recarregáveis. É o caso também de Garnier que oferece uma de suas linhas de cabelo em Recipientes 100% recicláveis, feitos com 25% de plástico reciclado.

Por isso, aos poucos você pode ir mudando essa rotina. Escolha produtos sólidos, sem embalagem ou a granel.

Marcas de cosméticos estão de olho na sustentabilidade

Diversas empresas estão inserindo novas formas de produção em seus cosméticos.

Existem várias marcas no mercado que se juntaram à ideia de evitar embalagens plásticas e vender alguns de seus produtos, como sabonetes, xampus ou produtos de limpeza facial de forma sólida.

Várias lojas em todo o país que vendem alimentos sem sacolas ou plásticos e, ultimamente, também estão implementando produtos de higiene pessoal. Como conselho recomendo que olhe na embalagem a forma de produção, se é livre de crueldade, entre outros.

Dicas para colocar em prática sobre embalagens de cosméticos

Embalagens de produtos cosméticos devem ser descartados de forma correta.

Devolver os recipientes

Uma boa opção é devolver as embalagens depois que você os terminar, algumas marcas incorporaram esse processo recentemente. Você termina de usar o produto, limpa os resíduos, remove a embalagem e as leva para as lojas correspondentes.

A Body Shop implementa essa modalidade onde você pode devolver embalagens de papelão, vidro e PET 1 em seus pontos de venda. Se você tiver mais de três, eles lhe darão um creme para as mãos.

Reutilize sua embalagem

Dar as suas embalagens um novo uso é uma boa opção. Por exemplo, limpe os recipientes das máscaras para os cílios e encha-os com óleo de mamona, use o pincel para pentear as sobrancelhas ou a raiz do cabelo. Use um recipiente de creme para guardar seus aros ou pequenas joias. Existem várias ideias na web para inspirá-lo.

Recicle a embalagem

Outra boa alternativa é reciclá-los. O importante é identificar de que tipo de material o recipiente é feito. Existem muitos pontos no país onde podemos deixar papelão, vidro e vários tipos de plásticos, dos quais normalmente são feitos.

Se a embalagem for de plástico, identifique qual tipo, para facilitar a localização do número ou da sigla, 1 é PET, 2 e 4 é HDPE, 5 é PP, 6 é PS e 7 são outros. É necessário limpar os restos do produto, remover as etiquetas e as tampas correspondentes.

Sobre as embalagens: o que você precisa saber

Recipientes de plásticos ainda são muito comuns em produtos de cosméticos.

Sobre embalagens existem diferentes símbolos relacionados à embalagem do produto. 

  • O anel Möbius: este símbolo indica que a embalagem de um produto pode ser reciclada. A porcentagem dentro das setas que aparece em alguns casos significa a quantidade de produto reciclável.
  • É um dos símbolos que causa mais confusão, pois a primeira coisa que o consumidor pensa é que o material com o qual foi fabricado é reciclável. Mas o verdadeiro significado é que o fabricante cumpriu a legislação sobre embalagens e resíduos de embalagens, o que garante que os materiais utilizados sejam respeitadores do meio ambiente.
  • Materiais: Esses símbolos indicam o material com o qual o recipiente foi fabricado. Os mais comuns são PET ou PETE (tereftalato de polietileno), LDPE (polietileno de baixa densidade), PP (polipropileno) e HDPE (polietileno de alta densidade).

Na lista dos materiais recicláveis se encontra as embalagens biodegradáveis de fibra de coco, de papel reciclado, entre outras. É preciso se atentar a essas questões quando for realizar a sua compra.

E também verificar o comprometimento da empresa com o meio ambiente. Infelizmente existem marcas de cosméticos que testam em animais, e para isso é necessária uma pesquisa do produto antes de consumir.

Então…

O importante é que, no momento de fazer sua próxima compra, você não apenas considere a forma de produção, mas também que a embalagem seja ecológica, que possa ser devolvida ou finalmente reciclada para que você saiba se deve investir nesse produto. 

Outra boa opção é fazer sua própria maquiagem, existem muitas maneiras de criar uma sem tantos ingredientes.

Portanto, acredito fielmente que pequenas mudanças fazem a diferença. O essencial é estar ciente do que compramos e do seu impacto no meio ambiente. Esperamos que as marcas cooperem com esse problema ou que pelo menos outras participem da devolução de suas embalagens.

Pequenas mudanças podem fazer a diferença para um planeta mais sustentável. E nossas escolhas tem uma importância nesse sentido. Uma dica é também optar por produtos básicos biodegradáveis. É o caso dos produtos da GreenFrog que são feitos de papel 100% biodegradáveis

Uma resposta para “O que fazer com embalagens de cosméticos?”

  1. Eu, sou consciente e procuro fazer minha parte e orientar o maior número de pessoas, sempre com exatidão.
    Gostei muito da matéria. Quanto as embalagens procuro fazer o máximo para o reaproveitamento ou descarte consciente. O que me preocupa é o que fazer com o produto não utilizado após o vencimento?
    Desde já agradeço a atenção.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *