Como lavar roupa de forma mais sustentável

Pequenas atitudes podem deixar o nosso dia mais sustentável. Até mesmo para lavar roupa, pequenas dicas podem fazer a sua roupa durar mais e você contribuir com o meio ambiente. Basicamente, estamos falando de três impactos negativos para reduzir: consumo de energia, recursos naturais e resíduos.

É possível lavar roupa de forma mais sustentável?

sustentável
Como lavar roupa de forma mais sustentável

Calcula-se que, quando lavamos e secamos as roupas, usamos 80% da energia consumida ao longo do ciclo de vida da peça. Na maioria dos casos, a energia elétrica derivada do uso de eletrodomésticos é obtida emitindo gases de efeito estufa na atmosfera.

Quanto aos recursos naturais, menção especial para a água. Um elemento essencial para a vida que está diminuindo e piorando sua qualidade com passos leves.

Por último, mas não menos importante, devemos falar sobre os resíduos gerados em cada lavagem. O consumo de detergentes e amaciantes convencionais gera resíduos que chegam aos mares e rios do nosso planeta.

Por serem compostos de ingredientes de origem petroquímica, dificilmente biodegradáveis ​​e nem sempre tratáveis ​​em estações de tratamento, contaminam os recursos hídricos, ameaçam a fauna aquática e causam maus odores.

Como fazer uma lavagem mais sustentável

É possível realizar uma lavagem mais sustentável e eficaz, levando em consideração as seguintes dicas:

  • Como dissemos, dê vários usos às suas roupas antes de colocá-las para lavar. Você também economizará tempo nas tarefas domésticas e isso nunca é demais.
  • Ao colocar a máquina de lavar, coloque-a em carga máxima. Dessa forma, enquanto reduz as lavagens, você economiza energia e água. Se você pode separar as roupas por cor e sujeira, também pode dosar e selecionar programas melhor, tornando a lavagem mais eficiente.
  • Sempre lave a baixa temperatura e, se tiver manchas difíceis, trate-as primeiro com produtos de limpeza específicos. Ao não aquecer a água, você economizará recursos energéticos, as roupas ficarão menos enrugadas e não será necessário passar a ferro.
  • Compre aparelhos com a mais alta classificação energética (A +++) e com ciclos de lavagem mais curtos. Você reduzirá a conta de água e o consumo de energia. Também é importante manter a máquina de lavar em boas condições. Limpe o filtro e o tambor periodicamente e isso ajudará a operação correta do aparelho e economizará energia.
  • Use detergentes orgânicos feitos a partir de ingredientes biodegradáveis, 100% naturais e de origem vegetal. Enquanto lavam, protegem e prolongam a vida útil das peças, cuidam da saúde e da pele em contato com as peças e respeitam o meio ambiente, pois seus resíduos são biodegradáveis ​​e compatíveis com o meio ambiente.Entre sabonetes ou detergentes ecológicos, sempre aposte nos à base de sabão tradicional, que, além da limpeza em profundidade, deixam naturalmente as roupas macias , evitando o uso desnecessário de amaciantes (poluindo a roupa por meio da lavagem). Para se certificar de que são produtos orgânicos, sempre procure uma certificação oficial na etiqueta que a verifica (não se deixe enganar pela lavagem verde).
  • Como dissemos, melhor do que usar um amaciante ecológico é não ter que usar nenhum tipo de amaciante.
  • Se você é um daqueles que gosta de usar amaciador devido ao cheiro que permanece na roupa, procure um detergente ecológico com óleos essenciais. Dessa forma, a roupa sairá igualmente suave e com perfume natural (e você evita muito perfume sintético e seus fixadores correspondentes nos tecidos).
  • Como vimos, um detergente ecológico limpa e cuida de suas roupas, mas se você tiver roupas ou tecidos especiais ou delicados, neste caso, recomendo não usar detergente, mas sabão, pois é ainda mais natural e suave. Hoje existem opções de sabão líquido para lavar roupa no mercado para uso direto na máquina de lavar, como se fosse um detergente. Suas roupas delicadas não poderiam ser mais cuidadas.
  • Dose racionalmente, usando a quantidade de detergente recomendada pelo fabricante,dependendo da sujeira, kg de roupa seca e dureza da água. Não usando mais produtos, as roupas ficarão mais limpas.
  • Roupas secas ao ar livre. As roupas serão mais brancas e o alto consumo de energia dos secadores será reduzido.
  • Pendure as camisas úmidas diretamente nos cabides, dessa forma, devido ao peso do tecido úmido, as roupas secam mais suavemente e evitam, ou reduzem consideravelmente, o processo de passar a ferro, também com impacto energético.

COMO LAVAR SUAS ROUPAS DE MANEIRA ECOLÓGICA

Estas são algumas das recomendações de lavagem que compartilhamos no projeto e que mais gostamos:

1. Lave a baixas temperaturas

Sempre que possível, é recomendável lavar a baixas temperaturas (30º) para economizar energia e maximizar seus cuidados. A temperatura indicada na etiqueta é geralmente a máxima, não a ideal.

2. Não passe se não for necessário

Em muitas ocasiões, selecionar o programa de vapor da lavadora de roupas será mais que suficiente. Se você pode evitá-lo, esqueça de passar !

3. Evite lavar a seco

Sempre que possível, minimize a limpeza a seco , sendo um processo químico muito forte. Você economizará dinheiro na lavanderia e o meio ambiente agradecerá.

sustentável
Como lavar roupa de forma mais sustentável Foto – Pixabay

Cuidar de roupas parece um hábito que você associa a mães e avós? Numa época em que nos parece que o tempo não é suficiente e onde tudo é facilmente descartável e substituível, a atenção prestada ao cuidado de nossas roupas parece ser uma coisa do passado.

Mas pouco a pouco, ressurge a necessidade de um vínculo mais saudável e sustentável com tudo o que temos, para recuperar hábitos perdidos, vinculados ao cuidado e à reavaliação de nossos pertences, buscando prolongar seu ciclo de vida e alcançar um estilo de vida mais consciente.

Essas ações simples nos permitem fechar um ciclo de vida totalmente sustentável das roupas, gerando um impacto mínimo no meio ambiente. Não há nada melhor do que consumir moda sustentável com responsabilidade.

Aprenda a captar e armazenar água da chuva

Água! Sem ela não vivemos, mas é incrível como acreditamos que ela não é escassa. Mas a falta de água já é realidade em alguns países.  Em áreas da África e pontos turísticos no sul da Europa e no Mediterrâneo, estes já sofrem com essa realidade.

Em nossas residências, o consumo de água deve ser moderado para evitar o desperdício.

A água, este líquido puro, incolor e tão necessário para a vida humana e do planeta não é infinito. O uso indiscriminado e o abuso de nossos recursos naturais trouxeram inúmeros problemas ao meio ambiente. Por esse motivo, não podemos ser indiferentes e deixar a responsabilidade para o resto.

Desperdício da água

Embora exista em abundância, a água é um recurso do qual depende o avanço e o desenvolvimento da humanidade. É usada para beber, para a higiene pessoal, para o lazer, indústria, entre outros.

É precisamente esse uso excessivo acompanhado pela exploração de aquíferos, poluição ou desmatamento que faz com que a água comece a se tornar escassa e com a qual devemos nos preocupar.

Por isso, é bom adotar medidas que diminuem o desperdício de água. E por que não começar em seu dia a dia? Nossa sobrevivência gira em torno da água e suas propriedades hidratantes. Dias sem água é suficiente para danificar os rins e, subsequentemente, levá-lo à falência de múltiplos órgãos. 

Todo o dinheiro, toda a riqueza, todas as coisas materiais deixarão de ter importância se a própria essência que nos mantém vivos se tornar escassa. Portanto, se houver outra guerra novamente pode ser pela água, advertem muitos especialistas. E será letal para nossa espécie.

Dessa forma, a captação de água da chuva é uma das maneiras eficientes de economizar e reutilizar a água.

Por que capturar e armazenar água?

A água é algo essencial em nosso dia a dia.

Que a água precisa ser conservada não é uma afirmação que precisa ser enfatizada. Como cidadãos responsáveis, temos certeza de que você está ciente da necessidade de economizar a preciosa água doce que nos resta.

Nossa natureza possui um ciclo que purifica naturalmente a água que perdemos antes de devolvê-la ao solo. É por isso que se diz que a precipitação oferece a forma mais pura de água natural. Então, como podemos fazer o melhor uso da água da chuva?

Como captar e armazenar água?

Capturar e armazenar a água da chuva do meio ambiente representa uma opção real para fornecer às pessoas água de maneira constante, viável e econômica, especialmente nas regiões onde as fontes de água superficial e subterrânea são exploradas ou contaminada. Mas também até mesmo onde há muita precipitação de água, essa pode ser uma maneira de captar e aproveitar água da chuva para, por exemplo, regar as plantas, limpar a casa, entre outros.

Como fazer?

A coleta de água poupará dinheiro em suas contas de água e reduzirá sua dependência da água da torneira. Um sistema de captação de água bem projetado também diminuirá suas necessidades de irrigação.

Tudo o que você precisa para um sistema de captação de água é chuva e um local para captar. Um sistema simples é desenvolvido contornando e modelando as áreas da terra, para que a água flua diretamente para a vegetação. Um sistema mais sofisticado possui armazenamento para capturar água para uso posterior.

Em casas:

A água que é captada da chuva pode ser usada para limpar a casa

• Podem ser usadas cisternas que se apresenta na forma kit feito em plástico ou também a utilização de tanques. Hoje existem diversos modelos e você pode optar aquele que melhor se encaixe para o seu orçamento;

• Os tanques podem ser colocados no chão, ao lado da casa para receber água da chuva que cai do telhado e foi desviada para eles;

• Telhados de metal corrugado ou estanho são os melhores para captar água da chuva;

•  Telhados de chumbo, amianto ou alcatrão contêm produtos químicos que poluem a água. 

• Verifique se o tanque está limpo e nunca foi usado para armazenar substâncias tóxicas, como óleo ou pesticidas.

•Materiais que normalmente são usados: canos, bombona, caixa de água, cisterna, torneira, e outros equipamentos. Você pode mesmo fazer em casa ou contar com ajuda de um profissional.

Em apartamentos:

• Podem ser usados baldes para captar água da chuva e a água pode ser usada para irrigar as flores ou lavar a casa;

Dicas para economizar água em casa

Confira dicas para economizar água na sua casa

Captar e armazenar água é bom, mas também é recomendado economizar água. O banheiro e a cozinha são os locais da casa onde há uma torneira e onde fazemos o maior uso da água. Confira as nossas dicas para economizar água em casa!

  •  Feche as torneiras sempre que não as usar mesmo que pareça pouco. Faça isso enquanto ensaboa os cabelos, escova os dentes, esfrega os utensílios de cozinha, faz a barba;
  • Economize água no chuveiro. Dependendo do banho, o chuveiro pode gastar 50% menos. Um chuveiro com menos 5 minutos de banho economiza cerca de 3.500 litros por mês;
  • Utilize os aparelhos com eficiência: coloque a máquina de lavar roupa, a lava-louças e similares sempre que estiverem totalmente cheios. Caso contrário, use meia carga ou ciclos curtos.  Colocar a máquina de lavar com roupa cheia pode economizar de 2500 a 2800 litros por mês;
  • Se você tem um jardim ou horta, aproveite também para coletar água da chuva. Regue suas plantas ao amanhecer ou ao anoitecer, porque isso impedirá que a água evapore antes de ser absorvida. Não limpe o chão com mangueira, use uma vassoura;
  •  Corrija imediatamente qualquer vazamento de água: uma torneira com vazamento pode significar até 40 litros de água por dia.
  • Para torneiras e chuveiros: utilize dispensadores e arejadores que reduzem o fluxo de água;
  • Cisterna: instale uma que permita medir a quantidade de água descarregada. Outra opção é colocar duas garrafas de água de 0,5 litro cheias para economizar em cada descarga ou um redutor de tanque.

Dicas para economizar água na cozinha

  • Deixe a água da torneira correr apenas para lavar a louça e fechar a torneira enquanto ensaboa;
  • Evite que as torneiras vazem quando você não as estiver usando;
  • Lave as frutas e legumes em uma tigela e não sob a torneira aberta. Para descongelar os alimentos, você pode fazer o mesmo;
  • Mergulhe as panelas e frigideiras alguns minutos antes de esfregá-las para evitar desperdício desproporcional de água;

Referência: Super Sustentável