Empresa sustentável: como tornar seu negócio amigo do meio ambiente

Não há como negar: a palavra sustentabilidade está cada vez mais em alta e, com ela, o conceito de empresa sustentável também. Isso porque o consenso comum acredita fielmente que o maior inimigo da natureza não é o homem, embora seja um vilão às alturas, mas sim as empresas que possuem práticas pouco amigas do meio-ambiente. Se você é um empreendedor, venha saber mais sobre tornar seu negócio mais sustentável.

empresa sustentável
Empresa sustentável: seu negócio amigo do meio-ambiente

O que é a sustentabilidade e como ela atinge a sua empresa

Para você ter uma empresa sustentável, é fundamental que você entenda de uma vez por todas o que é o conceito de sustentabilidade. Não, ele não significa apenas proteção ao meio-ambiente, tá? O termo vai muito mais a fundo do que isso.

O significado da sustentabilidade refere-se à definição do relatório de Brundtland, criado em 1987. Nele, afirma-se que o “desenvolvimento sustentável é aquele que atende as necessidades das gerações atuais sem comprometer a capacidade das gerações futuras de atenderem às suas necessidades e aspirações”. Ou seja, é perpetuar o que temos hoje, sem que isso signifique nos prejudicar quaisquer das gerações, tanto a atual como a futura.

Pessoas, Homem, Adulto, Mãos, Criança, Pai, Paternidade
Desenvolvimento sustentável é perpetuar o que temos hoje, não prejudicando a geração atual e nem a futura.

Além deste conceito, há, ainda, o tripé da sustentabilidade, mais conhecido como triple bottom line. Criada pelo sociólogo e consultor britânico John Elkington (2012), esta teoria afirma que que, para ser uma empresa sustentável, é fundamental que se busque um equilíbrio dinâmico entre as dimensões econômica, social e ambiental.

Ou seja, você, empreender, deve ficar ligado quanto ao conceito de triple bottom line, pois é a partir dele que deverá guiar a missão e a visão de seu negócio. Perceba que o tripé não fala só dos impactos causados no meio-ambiente, mas também como dos impactos sociais e financeiros. Afinal, para uma empresa ser sustentável, ela precisa lucrar e manter-se de pé ao longo dos anos, não é mesmo? Mas veja que isso não significa ter que bater de frente com a natureza e nem com a comunidade local.

E como tornar seu negócio em uma empresa sustentável?

Com pequenos gestos, já é possível tornar seu negócio em uma empresa sustentável. Atitudes simples como redução de resíduos ou mudança da fonte de energia para uma renovável, como solar, por exemplo, já diminuem os impactos ambientais.

Arboreto, Salt Lake City, Utah, Árvores, Dentro De
Com pequenos gestos, já é possível tornar seu negócio em uma empresa sustentável.

Se você não sabe por onde começar, nós iremos te dar algumas dicas. Mas antes é importante falar que, embora o esforço pode parecer em vão para muitos empreendedores que só pensam em lucrar, ter uma empresa sustentável, além de gerar reflexos na parte financeira, ajuda a construir uma imagem positiva no mercado.

E aí, agora não tem mais desculpa de não tornar seu negócio mais amigo do meio ambiente, não é mesmo?! Então, simbora para as dicas! Muitas delas podem ser colocadas em prática ainda hoje.

1. Crie uma campanha de conscientização na sua empresa sustentável sobre o lixo zero

Uma prática bem fácil para se colocar em prática é justamente essa: campanha de conscientização quanto ao lixo zero. Se você não sabe o que se trata, recomendamos que leia esse texto aqui que destrinchamos bem o assunto. Mas, basicamente, é isso: incentive seus colaboradores a serem seu kit lixo zero, levando itens que podem ser reaproveitados e não descartados.

Incentive seus colabores a terem seu kit lixo zero

2. Troque o material plástico utilizado por sua empresa por um biodegradável.

Outro assunto que já discutimos bem nesse texto aqui, mas, para reforçar, o plástico está longe de ser um amigo do meio-ambiente, Então, você, que deseja tornar seu negócio em uma empresa sustentável, é importante reduzir ao máximo esse material.

Se você vende produtos, que tal trocar a embalagem de plástico tradicional por uma biodegradável, que em poucos meses não existirá mais na natureza? Ou, então, se você é um comerciante, como dono de um bar ou de restaurante, por exemplo, que tal apoiar empresas que fornecem materiais do bem, como é o caso da GreenFrog, fornecedora de canudos biodegradáveis?! Atitudes simples como essas já causam impactos super positivos ao meio-ambiente.

3. Use luzes fluorescentes em sua empresas sustentável

Uma dica bem basicona e que há muito tempo é falado é sobre usar luzes fluorescentes. Nesse caso, por exemplo, sua empresa sustentável não será amiga só da natureza, como também do seu bolso. Isso porque as lâmpadas de LED possuem uma vida útil dez vezes maior do que as comuns e não têm o mesmo impacto no meio ambiente. Melhor escolha, não é mesmo?!

Luzes fluorescentes são amigas do meio-ambiente e do bolso

4. Troque a fonte de sua energia

Outra dica que também é bastante discutida é sobre a fonte de energia utilizada. Embora o investimento seja alto no início, para quem pensa tem um negócio a longo prazo, é importante refletir sobre o uso de energia elétrica e optar por uma de fonte renovável, como solar. Com certeza, seu investimento valerá cada centavo tanto em termos financeiros, como ambientais.

5. Contrate mão-de-obra local para ser uma empresa sustentável completa

Como falamos acima, o conceito do tripé da sustentabilidade não diz respeito somente ao meio-ambiente, mas também ao financeiro e ao social. Então, se você quer ter uma empresa sustentável e ela não está localizada em grandes centros urbanos, que tal contratar a mão-de-obra local? Além de estimular a economia da região, a comunidade olhará com bons olhos para a sua empresa. E se o fator conhecimento for um empecilho, treine seus colaboradores – todos sairão ganhando com esse troca-troca!

Negócios, Negócio, Laptop, Trabalhando, Rede
Contratar mão-de-obra local tem tudo a ver com a sustentabilidade social.

E aí, gostou das dicas, empreendedor? Como dissemos, deu para perceber que as dicas são bem simples e básicas, sendo possível de serem colocadas em prática ainda hoje ou em um curto espaço de tempo.

Então, não deixe para depois o que pode ser feito agora. Sua empresa sustentável agradece – assim como a natureza, a comunidade local e seu bolso!